SisTHA
Sistema de Treinamento das Habilidades Auditivas
sistha.com.br
Usuário
Senha
» Criar cadastro
Cuidados com a audição  
Esse conteúdo foi útil?
Sim   Não
Precisamos cuidar da nossa audição. Alguns problemas auditivos podem ser evitados! Para isso é necessário ficar atento com a sua audição e tomar certos cuidados. Segue abaixo uma lista de cuidados que devemos ter com a nossa audição.

1) Faça o exame auditivo conforme determinado pelo médico.

2) Evite locais muito ruidosos.

3) Evite ouvir música e televisão em volume muito alto ou mesmo ficar próximo às caixas de som por tempo prolongado. Evite ambientes muito ruidosos.

Direitos da imagem: Projeto SisTHA

4) Não durma com a televisão ou rádio ligados.

5) Não pingue remédios ou fórmulas caseiras dentro do ouvido sem indicação médica.

6) Não utilize objetos pontiagudos como palitos, grampos e lápis para limpar a orelha. Eles podem machucar o seu ouvido.

7) O cotonete deve ser usado para limpar somente a parte externa do ouvido.


Imagem retirada da tese de livre docência "Telessaúde: intercambio técnico cientifico entre centros de atendimento ao deficiente auditivo". Blasca WQ (2012).

8) Enxugue seu ouvido com a ponta da toalha de banho.

9) O cerume (cera do ouvido) não é sujeira, mas sim parte de um importante mecanismo de defesa do canal do ouvido contra infecções bacterianas e fúngicas.

10) Brincar de dar beijos estalados nas orelhas podem exercer uma pressão capaz até mesmo de romper o tímpano e causar diminuição da audição.


Direitos da imagem: Projeto SisTHA
O conteúdo dessa página web foi atualizado em 25/04/2014.
Responsável técnico: Simone Virginia Vitti, fonoaudióloga.
» Voltar para a página inicial


© 2014 SisTHA Sistema de Treinamento das Habilidades Auditivas. UNIFESP, USP. Acesso em 17/12/2017 às 15:32 @ Windows/200.144.93.238. Visitas #1427.
Grupo de Pesquisa
Saude 360o
saude360.com.br
Pós-graduação
UNIFESP Escola Paulista de Medicina
Gestão e Informática em Saúde
Coparticipação

Hospital de Reabilitação de Anomalias Craniofaciais
Apoio Financeiro
    
FAPESP 2012/05410-0    Universal 480905/2011-8